Novos modelos terão um botão exclusivo para acesso a Cortana.

A Toshiba está lançando uma linha de notebooks que foi projetada exclusivamente para receber o Windows 10, o novo sistema operacional da Microsoft e assim explorar todos os novos recursos que são oferecidos pelo SO. E uma das novidades da nova linha de notebooks da Toshiba é o botão disponível exclusivamente para a assistente virtual do Windows 10, a Cortana.

Toda a linha chega ao mercado com o sistema operacional Windows 8.1 instalado, mas assim que o Windows 10 for anunciado oficialmente, os usuários poderão fazer a atualização gratuitamente.

O anúncio foi no dia 22 de junho e serão 4 linhas:

– Satellite C, Satellite L, Satellite S e a híbrida Fusion sendo que cada versão terá um preço diferenciado e também um desempenho, por isso é bom que os usuários conheçam bem as 4 opções para escolher aquela que melhor irá lhe atender.

O Satellite C oferece modelos com 15" e 17" com opções de telas touchscreen. O processador pode ser o da Intel ou da AMD e o espaço de armazenamento varia de 8GB a 1TB. O preço ficará na média de R$ 1.217,00.

O Satellite L é a linha intermediária e as configurações variam, oferecendo caixas de som Skullcandy, tela 4K, Wi-Fi e memória de até 18GB com preço na média de R$ 1.633,00.

E para os usuários que precisam de um notebook de alto desempenho, o Satellite S chega para atendê-los com uma ótima configuração, tendo placa de vídeo dedicada NVidia, processador Intel Haswell e SSD e até o design é diferenciado pois é de aço escovado.  O preço, claro, será mais elevado que os demais, ficando acima dos R$ 2.200,00.

E tem ainda a linha Fusion, indicada para aqueles que gostam ou precisam utilizar o notebook como um tablet, pois a tela é touchscreen e capaz de girar em 360°. Com capacidade de até 12GB de memória, a linha Fusion oferece teclado retroiluminado e o preço fica na média dos R$ 2.000,00.

Nos Estados Unidos, os novos notebooks da Toshiba já estão nas principais lojas, mas os brasileiros terão que esperar porque a empresa não divulgou quando pretende lançar esta nova linha aqui no Brasil.

Por Russel

Notebook da Toshiba

Notebook da Toshiba

Fotos: Divulgação


Chega de  ficar  preocupado com documentos secretos ou  sigilosos que requerem uma  atenção e  segurança fora do  comum para  preservar a integridade dos mesmos. Segurança que nos  dias  de  hoje, no meio tecnológico, vem  sendo algo  preocupante com a onda invasão de computadores.

Para aqueles que gostam de segurança em seus  arquivos e  documentos está chegando ao mercado a  solução. A Toshiba lançou um super pen drive com capacidades de 4GB  e 32GB de armazenamento, mas com o diferencial na sua parte superior que apresenta um mini teclado onde o  usuário digitará uma  senha para que  possa liberar os  dados. É só plugar o gadget da Toshiba em uma  porta USB para ter acesso aos  dados e quando o pen drive  for  removido ele boqueia automaticamente  impedindo o acesso aos dados.

Incorporada ao gadget está uma  bateria recarregável que garante o funcionamento do mecanismo. Em caso de roubo o dispositivo conta com uma função onde seus dados tornam-se irrecuperáveis após 10 tentativas.

No site americano da empresa o aparelho está sendo  negociado entre US$ 60 e US$ 180.

Companhias  governamentais e  grandes empresa estão entre o público-alvo da empresa.

Para quem  gosta ou necessita de  segurança e proteção em seus  documentos é uma  grande  oportunidade de  adquirir  um  super pen drive. Pois com a crescente invasão em  computadores por  vírus e  até  mesmo  hackers essa se torna a forma mais eficaz de proteger ou de  estar protegido.

As informações terão essa super proteção, impedindo que  documentos fiquem expostos onde muitas  vezes são publicados intencionalmente e criminalmente trazendo constrangimento para as pessoas e as empresas.

Essa  sim se  torna  a criação ou aperfeiçoamento mais seguro que  está chegando ao mercado, e todo aquele que  deseja mais segurança basta adquirir  esse dispositivo que trará uma  certa  segurança em seus  arquivos privados e até mesmo confidenciais.

Por Andre Escobar

Pen Drive da Toshiba

Foto: Divulgação


A essência básica de um tablet é sua portabilidade. No mercado atual há diversas opções para agradar aos mais variados interesses dos consumidores. Não há dificuldades em encontrar tablets com telas entre 6 e 12 polegadas. Afinal, esta faixa é adequada para consumir conteúdo e manter a portabilidade do dispositivo.

Segundo rumores, a Apple, por exemplo, pretende lançar um tablet de 12 polegadas, o que já é considerado grande para os padrões atuais. No entanto, a Toshiba parece não estar muito satisfeita com os tamanhos de telas atuais, disponíveis no mercado. A empresa decidiu lançar um tablet de 24 polegadas. Chamado de Toshiba TT301, o aparelho é voltado para o mercado corporativo e mais parece um monitor com sistema Android do que um tablet convencional. As especificações de hardware do aparelho não acompanha muito bem seu tamanho. Visto que é voltado para o mercado corporativo, deveria apresentar melhores configurações.

O TT301 tem um processados Dual-Core trabalhando a 1 GHz, com 1,5 GB de memória RAM e armazenamento interno de 16 GB. O sistema operacional é a grande decepção do produto. De maneira bastante estranha, a Toshiba resolveu disponibilizá-lo com o Android 4.2.1, versão que foi lançada em novembro de 2012.  

O tamanho da tela permite que o usuário interaja com dois aplicativos ao mesmo tempo. A tela de 24 polegadas LCD tem uma resolução de 1920 x 1080 pixels, o que fazendo as contas dá algo em torno de 92 pixels por polegada. O tablet poderá ser utilizado para outras funções, visto que conta com fontes externas como entrada HDMI, alto-falantes, controle remoto e suporte a Miracast. Seu peso é de 3,9 kg, nada prático para o uso pessoal aliado a mobilidade.  

Ainda não há previsão de disponibilidade do Toshiba TT301 no mercado mundial. A Toshiba também não divulgou quanto o tablet gigante custará. É esperado que o tablet seja vendido inicialmente no Japão.

Toshiba TT301

Toshiba TT301

Fotos: Divulgação


Com a grande expansão de ferramentas voltadas para os navegadores e internet, é viável e produtivo para o consumidor obter um dispositivo que não utilize os sistemas operacionais Windows ou Mac OS X.

Tendo em mente o aumento na produtividade, as empresas buscam vender produtos com o sistema operacional da Google. Os mesmos possuem bom tamanho de tela e um preço inferior aos concorrentes.

A Toshiba anunciou o Chromebook 2, não existe muita diferença com a versão anterior. Porém, para quem possui o primeiro modelo é uma grande inovação. Atendendo aos pedidos de muitos consumidores, a empresa trouxe uma tela Full HD, e um novo sistema de áudio que transforma a experiência incrível.

Possui tela de 13 polegadas com tecnologia Full HD, processador Intel Celeron N2840 com frequência de 2.16 GHz e 4GB de RAM. Possui memória interna de 16GB e 100GB adicionais de Google Drive. O processador decepcionou um pouco já que é menos potente do que muitos esperavam. Porém, isso torna o modelo econômico e acessível.

O peso do produto é ideal, são menos de três quilos e possui uma série de benefícios em relação ao seu valor. Possui uma porta USB 3.0, uma porta USB 2.0, saída HDMI e um leitor de cartões SD. A qualidade da câmera webcam é de 720p, o que melhora a qualidade de sua chamada de vídeo.

Quando a tampa do produto se encontra aberta é possível confundi-lo com o famoso MacBook da Apple. O design é feito de plástico cinza, e está menor e mais leve. Um ponto bastante positivo é que a temperatura do aparelho diminuiu em relação à linha anterior. A duração da bateria é algo invejável. Com uso moderado, pode chegar a seis horas sem necessidade de recarregar o produto.

A Toshiba deu informações sobre uma versão de entrada do dispositivo. O mesmo contará com uma tela de 720p e apenas 2 GB de memória RAM, o restante do hardware será idêntico ao modelo principal. Os dois modelos Chromebook chegarão às prateleiras no dia 5 de outubro deste ano, custando US$ 330 e US$ 250, respectivamente.

Por Wendel George Peripato

Chromebook 2

Chromebook 2

Fotos: Divulgação


Hoje em dia os produtos de tecnologia assumem funções que anteriormente só eram executadas se comprássemos outros acessórios. Pensando desta forma, muitas empresas do segmento lançam a cada ano, centenas de aparelhos que apresentam ferramentas em um só aparelho mostrando que com o passar do tempo as tendências de mercado serão cada vez mais competitivas e cheias de novidades.

Computadores, notebooks, tablets, celulares e tantos outros objetos que vêm fazendo parte do dia a dia das pessoas, seguem na corrida dos queridinhos na hora das compras. E devido a isso, suas formas vão criando novas curvas, funcionalidades e especificações; tudo para o gosto do cliente, que está sempre em busca de novidades e qualidade.

Falando nas novas formas e em melhorias para o consumidor, a Toshiba, que é uma das marcas mais tradicionais no ramo da tecnologia lançou este mês, na feira taiwanesa Computex, um novo modelo de sua linha de laptops, a KiraBook.  A novidade fica por conta do L93, que de acordo com a empresa, é extremamente flexível, pois permite que ele desenvolva sete formas diferentes.

O L93 e suas funcionalidades:

O L93 é um laptop comum utilizado de acordo com as funções do próprio produto, porém apresenta características simples que o fazem diferente dos demais. Seu teclado, por exemplo, pode ser retirado, transformando o computador em um tablet, que pode ser usado com ou sem teclado, já que existe comunicação sem fio entre ambos.

Ao invés de touchpad, este teclado apresenta uma pointing stick, que é uma definição bem comum nos computadores da linha Thinkpad, da Lenovo.

Especificações do produto:

Os componentes do mais novo modelo da Toshida não deixam o consumidor na mão. A tela é de 13,3 polegadas com uma resolução de 2560×1440. Seu processador é Core i5, com memória de 8G de RAM e uma SSD de 128 GB de armazenamento.

Ainda não foi divulgado nenhum comunicado com relação à data de lançamento do produto aqui no Brasil. A informação dada na feira tecnológica é de que o L93 poderá ser comercializado por um valor sugerido em US$ 2.600 (R$ 5.800). Portanto, para os interessados resta aguardar.

Por Juliana Alves de Souza

Toshiba KiraBook

Foto: Divulgação


A Toshiba anunciou que o mercado terá um novo chip de memória cachê para tablets, computadores e smartphones. Esse novo chip chega com a função de economizar a bateria dos dispositivos que eles estiverem inseridos. O segredo e uma nova forma de guarda a memória temporária. De acordo com a fabricante japonesa, esse novo chip pode gastar até 60% a menos da CPU.

Tudo isso por causa do seu princípio de funcionamento. O chip anterior possuía o cachê L2 que usa a gravação de informação volátil e o mesmo processo que permite o computador perder as informações de depois de desligado. Agora, com a nova tecnologia da Toshiba  os dados vão ficar guardados de acordo com o spin dos elétrons. É considerado assim um método mais eficiente e não vai perder nada quando o aparelho for desconectado.

O sistema operacional usa a memória cachê para guardar as informações. Mas precisa acessar com  frequência durante o seu funcionamento. É uma forma de criar um atalho interno. Não será mais preciso ir ao armazenamento todas as vezes que precisar buscar as informações. O novo chip promete informações mais rápidas, algo em torno de 4,1 nanossegundos para ler e 2,1 nanossegundos para gravar os dados. O melhor é que fará tudo isso sem gastar muita energia.

Quanto a estar disponível no mercado, a Toshiba diz que o próximo passo é investir em ideias para adaptação da tecnologia também para os chips de memória RAM. Isso fará com que as futuras gerações de computadores, tantos os portáteis e os que não são muito mais eficientes do ponto de vista energético.

Resta esperar para que a bateria de nossos aparelhos possa ser ainda mais resistente a cada dia, sem a necessidade de ter que ficar carregando o aparelho várias vezes por dia.

Se estamos cada vez mais tecnológicos, imagina quanto as baterias durante mais tempo ainda?

Por Douglas Lima dos Anjos

Novo chip da Toshiba

Foto: Divulgação


Quando a Toshiba revelou que estaria produzindo a sua própria linha de tablets, ela não economizou dinheiro para criar produtos com boa resolução de tela e poder de processamento.

Este ano, a companhia decidiu que é hora de modificar completamente sua linha de eletrônicos portáteis e resolveu oferecer produtos de qualidade que possam atender a diversos tipos de consumidor, já que os mais novos membros da família possuem Windows como sistema padrão ao invés do Android.

A estratégia da companhia para esse ano é oferecer produtos com o preço mais baixo possível. Com isso, a empresa visa se destacar frente a concorrência que tem sido cada vez mais acirrada, já que Sony e Microsoft resolveram entrar de vez nesse mercado que tem a Samsung e Apple disparadas no primeiro lugar.

Disponibilizar ao consumidor um produto barato e de qualidade é o objetivo principal da companhia, que teve um desempenho relativamente bom com as suas últimas criações.

Recentemente, a Toshiba anunciou duas linhas de tablets com o sistema operacional Windows, chamados de Encore 2 com 8 de 10 polegadas, além de dar continuidade ao Excite Go, que vem com o Android e possui um display de 7 polegadas.

Apesar dos novos modelos não chamarem tanto a atenção do consumidor em relação às suas especificações, eles podem ser de fato um bom negócio, já que o preço em relação aos produtos concorrentes são incrivelmente mais baixos.

Os tablets da família Encore, por exemplo, custam 200 dólares (cerca de 420 reais sem impostos) na versão de 8 polegadas e 270 dólares o modelo de 10 polegadas. Os tablets possuem uma configuração até aceitável para a categoria na qual se encontram: processador Intel Quad-Core, resolução de 1.280p por 800p.

Com isso a companhia japonesa pretende passar à frente de grandes nomes como Acer, Lenovo e Dell, que possuem bons aparelhos no mercado com basicamente as mesmas caracterísicas. 

Por Ebenezer Carvalho

Foto: divulgação


O CB30-102 é o primeiro notebook da fabricante Toshiba desenvolvido para executar o Chrome OS projetado pelo Google. O Toshiba Chromebook CB30-102 não é um dispositivo, digamos,  emocionante de se ver, mas tem especificações que o diferenciam de Chromebooks rivais das fabricantes HP e Acer.

A tela de 13.3 polegadas do CB30-102 faz com que ele seja maior, se comparado a muitos outros Chromebooks. O CB30-102 é bem leve, pesando apenas 1,5 kg e com 20 milímetros de espessura. Tão leve que você não terá problemas para carregá-lo.

Construção:

O design do CB30-102 é em plástico prata, o que o deixou de certa forma “pobre” nesse ponto. Sua tampa possui uma textura leve e pontilhada, o que não apimentou muito no design deste Chromebook.
Os Chromebooks HP 11 e Acer C720 são a prova de que é possível ter um design bonito e que não fuja de um orçamento mais em conta, mas pelo menos o Chromebook da Toshiba é razoavelmente resistente.

Digitar no teclado do CB30-102 é bem confortável, suas teclas são bem espaçadas o que proporciona uma melhor experiência ao digitar.

Os alto-falantes do CB30-102 são encontrados na parte inferior da frente do dispositivo e são de uma potência surpreendente. São altos e a qualidade do som é incrivelmente boa. Não foram detectados graves nem ruídos, em determinadas vezes o seu som soou de forma um pouco metálica, mas mesmo assim a qualidade dos falantes do CB30-102 são melhores do que os de muitos outros notebooks encontrados no mercado atualmente.

O CB30-102, em comparação com outros notebooks Windows, tem poucas conexões de entrada, mas ele dá o essencial.

Ele possui leitor de cartão SD, tomada de microfone e fone de ouvido combinados, saída de vídeo HDMI e duas portas USB 3.0.

Atualmente as portas USB3.0 são bem úteis para aquelas pessoas que trabalham com arquivos grandes e pesados e que não querem se encher de vários SSD de 16GB (o que não é nada prático).

Por Jaime Pargan

Toshiba Chromebook CB30-102

Foto: Divulgação


Na última quinta-feira, 17 de abril, a Toshiba revelou seu novo ultrabook com tela de alta resolução. O modelo chega ao mercado para tentar competir com o Macbook Pro Retina e com o Chromebok Pixel. Batizado de Kirabook, a máquina será lançada no próximo mês e terá três versões diferentes, mas todas contarão com tela sensível ao toque.

O ultrabook possui tela de 13.3 polegadas (com resolução 2.560 x 1.440 pixels), memória RAM de 8 GB, armazenamento interno de 256 GB e rodará o Windows 8 Home Premium. A tela sensível ao toque será capaz de reconhecer até 10 toques simultâneos e cada versão do Kirabook virá com um processador diferente do outro, sendo que o modelo mais barato virá com Core i5 e o mais caro com Core i7.

Ainda não há nenhuma imagem do novo produto da Toshiba, mas a companhia informou que ele foi desenvolvido com uma liga 100% mais resistente que a de alumínio, que deixa o computador ainda mais fino e mais leve que o Macbook Pro.

Até o momento, só foi revelado o preço de dois dos três modelos. O mais barato custará US$ 1.599,99 (aproximadamente R$ 3.200) e o intermediário sairá por US$ 1.799,99 (mais ou menos R$ 3.600). A previsão é de que as três versões do Kirabook cheguem ao mercado no dia 12 de maio.

Por Felipe Santos Bonfim


Parece que a grande Toshiba realmente entrou no mundo dos tablets. Antes muito tímida e com modelos não muito chamativos, a Toshiba sempre ficou na sombra dos melhores tablets do mercado, mas isso parece acabar com a chegada do ótimo Toshiba Excite 10, um lindo e potente tablet que promete alavancar as vendas da empresa e colocá-la definitivamente na briga com os modelos mais vendidos atualmente.  

O Toshiba Excite 10 foi lançado no dia 06 de dezembro e promete aquecer o mercado neste Natal e final de ano, com seu lindo design arredondado, um centímetro de espessura e pesando apenas 640 gramas. 

Mas não é somente na beleza que o Toshiba Excite 10 promete ganhar o público, o tablet vem equipado com o novíssimo e funcional sistema operacional Android Jelly Bean (4.1), 16GB de espaço para armazenamento, tela de 10 polegadas com resolução de 1280×800 pixels, processador NVIDIA Tegra 3 quad-core de 1,5 GHz, memória RAM de 1GB DDRL3, Bluetooth 3.0, câmera frontal com 2 megapixels, câmera traseira HD com 5 megapixels e flash LED.

Para obter informações completas sobre suas especificações, entre no site da fabricante.

No mercado norte-americano, o Toshiba Excite 10 SE chegou por US$ 350 , cerca de R$ 730 . Se realmente chegar ao Brasil com esse valor valerá a pena, pois o custo benefício é muito vantajoso, levando em conta as potentes configurações e a beleza do tablet.  

Por Bruno Mathiuzzo


Um novo modelo de tablet foi recentemente anunciado pela Toshiba: o AT300SE. De acordo com as informações divulgadas a respeito da novidade, o modelo deve chegar ao mercado com o sistema operacional Android 4.1 e uma tela de 10,1 polegadas.

O AT300SE chegará às mãos do consumidor com as seguintes configurações internas: um processador NVIDIA Tegra 3, 1 GB de memória RAM e com 16 GB de capacidade de armazenamento. Além disso, ele pode suportar um cartão de memória de até 64 GB microSD. Já com relação à câmera traseira a informação é de que a mesma terá 3 magapixels. Já a frontal será de 1.2 megapixel. A bateria tem a previsão de durabilidade de cerca de 10 horas, segundo as informações do fabricante.

A novidade de fato foi anunciada, entretanto, a comercialização do aparelho deverá começar no Reino Unido. A informação é de que inicialmente estará disponível também para outros países da Europa.

Sabe-se, porém, que o tablet AT300SE deverá estar presente nas lojas ainda antes do Natal. O preço deve estar na faixa das 299,99 libras. Algo que em reais estaria em torno (sem contar os impostos) de R$ 980,00.

Americanos e brasileiros deverão aguardar ainda mais um pouco. Até o momento não foram divulgadas datas de possíveis lançamentos nos dois países.

Por Denisson Soares


A Toshiba vem tentando cada vez mais aumentar sua participação de mercado e, por isso, revelou para a mídia um novo modelo de ultrabook na última terça-feira, dia 05 de junho. O aparelho se chama Portégé Z930 e possui tela de 13.3 polegadas.

O novo dispositivo pesa cerca de 1,1 kg, conta com processador Intel Core de terceira geração e possui uma espessura de apenas 8,3 milímetros.

De acordo com a fabricante, o novo Portégé possui bateria que dura até oito horas. Não bastasse isso, o ultrabook também possui um teclado backlight com uma película para proteger o aparelho em caso de derramamento de líquidos.

O produto chegará ao mercado estrangeiro no terceiro trimestre deste ano, mas ainda não será disponibilizado para o Brasil.

O valor sugerido para venda ao consumidor final é de US$ 1.383, cerca de R$ 2.838.

Além do Portégé Z930, a Toshiba está preparando outros notebooks, que são o Tecra R950, o Tecra R940 e outro Portégé, o R930. Estes aparelhos provavelmente serão lançados no mercado juntamente com o ultrabook já revelado.

Por Guilherme Marcon


Uma reportagem feita pela Bloomberg revelou que algumas fabricantes como a ASUS, Acer e Toshiba deverão lançar tablets com o novo sistema operacional da Microsoft, o Windows 8. Isso irá acontecer durante a Computex 2012, uma feira de tecnologia que está programada para acontecer na próxima semana.

Os produtos que serão apresentados não terão a versão final de do novo Windows, pois eles serão apenas uma prévia dos dispositivos que deverão chegar ao mercado em breve.

Além da versão normal do Windows 8, será apresentado também com o Windows RT, produto baseado na arquitetura de processadores ARM, os mesmos adotados por algumas fabricantes como a NVIDIA, Qualcomm e Texas Instruments.

A reportagem da Bloomberg apontou que o mercado espera que ao menos um dos produtos da ASUS venha com base em um chip da NVIDIA e outro aparelho que seja capaz de rodar tanto o Windows 8 quanto o Android. Já para a Toshiba, a expectativa é de que um dos aparelhos venha com um chip da Texas Instruments. Enquanto isso, a Acer optará por mostrar um aparelho com Windows 8 e processador da Intel.

Por Guilherme Marcon


A Toshiba anunciou a renovação completa da sua linha de laptops. Os novos aparelhos serão baseados na arquitetura do novo Ivy Bridge da Intel.

Os produtos farão parte da campanha de volta às aulas que a empresa está organizando nos Estados Unidos.

A empresa promete grandes novidades em seus aparelhos, como por exemplo, novos modelos para os laptops das linhas C, L e P. Para completar a Toshiba ainda adicionou dispositivos com o nome S, que tem como foco consumidores que exigem  maior desempenho de seus hardwares. Todas as opções possuem versões de 14, 15 e 17 polegadas.

Os laptops da série P irão começar a ser comercializados no dia 24 de junho, e o preço sugerido é de US$ 800 para os modelos de 14 e 15 polegadas e US$ 850 para os de 17 polegadas. Já os aparelhos da série S, chegarão ao mercado no terceiro trimestre de 2012, com preço inicial de US$ 700. Os modelos da linha C e L também serão lançados no mesmo período com o valor de US$ 400 a US$ 450 para a versão de 14 polegadas.

A empresa ainda não divulgou qual serão as especificações dos produtos.

Por Guilherme Marcon


Se você está querendo comprar um tablet ou um notebook e ainda está na dúvida, trazemos aqui mais algumas opções.

 A Toshiba revelou, em um comunicado no dia 6 de janeiro, onde detalhava os produtos que serão expostos na CES 2012, que irá lançar um tablet rodando Android Honeycomb com tela de 10,1 polegadas e um novo ultrabook.

Esse tablet é um novo modelo do Excite. Possui resolução de 1280×800 pixels e processador dual-core OMAP 4430. Além disso, ele vem com câmera traseira de 5MP e frontal de 2MP. Possui também saída HDMI e estará disponível nas versões 16GB ou 32GB de capacidade de armazenamento.

Quanto ao novo ultrabook, ainda não temos informações das suas características e teremos que esperar que a CES 2012 comece para termos mais detalhes. A empresa prometeu também que irá demonstrar um protótipo de um tablet com tela OLED e resistente à água

Apesar de alguns mistérios, esperamos que esses novos “brinquedinhos” que serão lançados na CES 2012 tragam bastante alegria aos aficionados pela tecnologia.

Por Tiago Batista


O lançamento do tablet de sete polegadas da Toshiba fez com que surgissem comparações com o modelo de dez polegadas da marca. Uma das principais vantagens do novo aparelho é o conforto do manuseamento devido a sua espessura fina. Por se tratar de um modelo menor e mais leve, o usuário tem mais conforto na hora de segurá-lo.

O Thrive possui resolução de 1280 x 800 pixels, processador dual-core, câmera traseira de 5MP, é equipado com o sistema Android 3.2 Honey Comb e custa em média US$ 379,99 (modelo de 16GB) e US$ 429,99 (modelo de 32GB).

O visor do Thive é muito sensível, o que faz com que a navegação seja ainda mais rápida. Ele já vem com alguns aplicativos, como: Google Maps, Google Talk e Android Market.

A câmera tem as suas limitações, o obturador tende a ser muito lento, mas ela funciona bem em ambientes com baixa luminosidade. Outra diferença entre o Thrive e o tablet de 10 polegadas da Toshiba é a ausência da tampa traseira removível e das baterias intercambiáveis.

Por Joyce Silva


Enquanto a Internet sem fio ainda engatinha no Brasil, lá fora já é possível observar algumas tendências para o futuro das formas de conexão. Após a Samsung e Acer, é a vez da Toshiba apresentar seus notebooks com a tecnologia Wimax.

A linha Portégé R700 e os modelos S1322W e o S1332W, serão os primeiros da empresa a suportarem o Wimax. Além de inovadores, os dois notebooks esbanjam categoria nas configurações. O primeiro possui Intel Core i5-560M, 320 GB de memória, memória RAM de 4 G DDR3 e placa de vídeo dedicada. Já o segundo modelo, chega com Intel Core i7 e SSD de 12 GB, sendo igual ao anterior nos outros quesitos.

O preço dos notebooks está estimado em torno de US$1.349 e US$1.699 e, para chegar ao Brasil, o Wimax tem que existir de fato.

Por Camila Porto de Camargo

Fonte: Info


O site Notebook Italia (www.notebookitalia.it) divulgou nesta semana fotos do novo tablet da Toshiba, bastante parecido com o iPad, que foi apresentado em julho, na Austrália.

A expectativa é que o modelo seja lançado em breve no mercado mundial. O tablet da Toshiba deve vir com portas HDMI, USB, leitor de cartões e pode vir com sistema operacional Android. Além disso, o aparelho poderá ter display de 10 polegadas e processador Nvidia Tegra 2.

O modelo deve ser apresentado durante a feira de eletrônicos IFA 2010, na cidade de Berlim, na Alemanha, no início de setembro.

O modelo tablet da Toshiba pode ser lançado ainda neste ano, provavelmente no mês de outubro.

Por Luana Neves


Se existe uma palavra para definir o novo lançamento da Toshiba, o Libretto, essa palavra é: ousadia. A empresa japonesa simplesmente resolveu ousar e lançar muito mais que um simples tablet. É verdade que o W100 não é o primeiro aparelho desse tipo, com duas telas. Lembram do Kno?

No entanto, a Toshiba promete oferecer muito mais. O Libretto não é paenas um tablet com duas telas sensíveis. Ele promete ser também um netbook, já que uma das telas pode ser usada como teclado, e tem processador de 1,2 Ghz, 2 GB de RAM e SSD de 64GB.

Embora a fabricante nipônica tenha deixado claro que deseja entrar na brica com o iPad, o Libretto W100 custará quase 3 vezes mais que o tablet da Apple, ou seja, cerca de 1300 dóalers. O lançamento está previsto para Agosto no Japão e mais tarde nos Estados Unidos e resto do mundo.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Folha


A tecnología 3D principia a introduzir-se agora nos notebooks. Depois do lançamento da empresa LeNovo, onde é possível ver mídia em três dimensões, agora é a empresa Toshiba quem lança uma máquina com capacidade de reproduzir a tecnología 3D.

Trata-se do Toshiba Dynabook TX/98MBL que, além de reproduzir midia em 3D, também tem um sistema de som com essa mesma tecnología. Outra capacidade do Dynabook é a de rodar discos Blue Ray 3D, ainda uma novidade para o grande público.

Com tela de 15,6’’, este notebook é mais uma demonstração da direção que a tecnología 3D está dando aos fabricantes de notebooks ao redor do mundo.

No final de julho, o Dynabook estará disponível no mercado.

Por Jeferson Vainer.


A tecnologia Widi, desenvolvida pela Intel promete tornar possível conectar uma TV a um computador desktop ou notebook sem necessitar de cabos. O recursos estará presente na nova linha de notebooks Toshiba Satellite A660.

Além da tecnologia Widi, a nova linha da Toshiba vem equipada com os novos chips da Intel Core i3, i5 e i7, além de leitor de blu-ray, telas de LED de 16 pol egadas no formato widescreen (16:9) e conexão de rede sem fio (wi-fi).

Já para quem quiser usar a TV como monitor pela tecnologia sem fio, precisará de um adaptador para ligar na TV. Por enquanto o único disponível é o PTV1000, da netgear. Outro requisito importante, que pode fazer a Widi patinar no início é o fato de que o sistema da Intel só funciona em computadores com chip i3 ou superior e Windows 7 de 64 bits.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: PC World





CONTINUE NAVEGANDO: