Software possui interface simples e promete agradar bastante os gamers de plantão.

De nada adianta você ser um bom jogador e possuir pessoas de talento te apoiando em um determinado jogo online caso o seu próprio time não consiga realizar uma boa comunicação. Equipes que possuem poucos recursos acabam muitas vezes conseguindo bater outros times superiores, pelo simples fato de conseguir conversar bem e ter suas táticas coordenadas tanto de defesa quanto de ataque.

Sendo assim, é melhor ter softwares com grande qualidade no momento de contatar sua equipe pela rede. Ainda são usadas as opções como TeamSpeak e Skype por diversas pessoas com tal objetivo, porém, um software chamado Curse Voice está conquistando seus espaço e parece ser mais apropriado para os jogadores online.

Possui Interface acessível

Recentemente seus desenvolvedores modificaram a interface do Curse ficando ainda mais bonita e ainda sem exigir muitos recursos de seu computador. Por meio de um clique único você consegue iniciar uma chamada de voz, conferir lista de amigos online e iniciar conversas através do chat.

A aplicação permite também o acesso rápido aos textos que possuem detalhes com relação as suas atualizações recentes e certas dicas referentes a jogos que possam lhe interessar. Além disso, o mesmo ainda aponta de forma simples quais foram os perfis que você conectou ao sistema e também apresenta contatos que talvez o usuário conheça e queira adicionar.

Recompensas nos jogos

Uma das maneiras que seus desenvolvedores acharam para conseguir chamar a atenção dos outros jogadores foi através de parcerias firmadas com desenvolvedoras de games. Já pode ser visto o primeiro resultado de um acordo realizado em Smite, que oferta skins e gemas extras para os que fizerem certa partidas utilizando o Curse Voice.

Os itens que são ofertados possuem características estéticas e não acabam desequilibrando o jogo, o que pode ser visto com bons olhos. Apesar de ainda não existir qualquer outro título que ofereça benefícios parecidos, acredita que será ampliado este sistema de recompensas muito em breve, isto é, você pode ser recompensado por utilizar o software e ainda acaba não pagando nada por isso.

Se você joga na rede, comece a fazer uso do Curse Voice e tenha acesso a esses benefícios.

FILIPE R SILVA


Não resta dúvida que os aparelhos eletrônicos, na atualidade, ganharam muito espaço quando se fala a respeito de diversão e entretenimento, principalmente do público jovem. Antigamente, quem assumia o papel de preferido da galera eram os videogames que eram muito populares e famosos nas décadas de 70, 80 e 90. Com a facilitação do acesso à internet por todo o país hoje esse espaço é ocupado pelos computadores, uma vez que eles oferecem aos seus usuários a possibilidade de jogar e interagir em tempo real com outros jogadores do mundo inteiro mediante o uso da internet.

Mas para quem acha que aqueles antigos consoles que fizeram tanto sucesso e marcaram época, tais como o Atari, o Super Nintendo entre outros, ficaram no passado, enganam-se sobremaneira, pois a pirataria brasileira criou um modelo de console que irá agradar a muitos adolescentes e adultos por aí.

Esse mais novo console lançado pela pirataria brasileira foi batizado com o nome de Infanto. O grande atrativo desse console é que ele já vem de fábrica com um acervo interno de mais de 6 mil jogos, ou seja, não há a necessidade de ficar comprando joguinhos, cartuchos ou CDs.

Dentro dessa infinidade de jogos que vem na memória do Infanto estão os jogos dos consoles que mais fizeram sucesso nas décadas passadas, uma vez que nesse acervo tem jogos dos seguintes videogames: Atari 2600, Game Boy, Game Boy Color, Mame: Fliperama: Arcade, Sega Master System, Sega Genesis (Megradrive), Neo Geo, Nintendo, Super Nintendo e TurboGrafx-16.

Deu para perceber que é muita coisa e que aquele jogo que marcou a sua infância ou adolescência raramente estará de fora dessa lista de notáveis. O mais interessante é que esse console é simplesmente minúsculo, uma vez que cabe na palma da mão, tem todos esses ROMs em seu sistema, conexão HDMI e uma fonte de alimentação de baixíssimo consumo de 5V.

Os controles desse console são plugados via USB e o modelo deles é semelhante ao famoso DualShock 2, Joystick da Sony. Atualmente, essa novidade está sendo comercializada apenas pela internet através do site mercado livre pela bagatela de nada mais nada menos que R$ 600

Por Adriano Oliveira

Infanto

Foto: Divulgação


Batizado de Ride, foi lançado no mercado o novo e promissor simulador para os aficcionados por pilotagem de motos. A iniciativa é da empresa editora Bandai-Namco e trata-se de um jogo desenvolvido em parceria com o experiente estúdio Milestone, que possui bagagem profissional na realização de trabalhos para o MotoGP 14 e MotoGP 13.

A previsão é que o produto seja lançado aqui no Brasil aproximadamente no outono de 2015.

A Bandai-Namco é uma empresa que se propõe a oferecer produtos e serviços que sejam capazes de proporcionar "sonhos, diversão e inspiração através da indústria do entretenimento", como bem enfatiza a marca, em sua página oficial.

O Ride, portanto, foi planejado para concretizar essa pretensão, ao rodar nas principais plataformas de games da atualidade, que são o: Xbox One, Xbox 360, PlayStation 4, PlayStation 3 e também no PC.

O sistema simula com perfeição uma motocicleta e seus movimentos, podendo também ser rodado para quem quer testar suas habilidades de pilotagem diretamente do smartphone.

O jogo é rico em variedades de motos, com mais de 100 modelos de vários tipos, permitindo ao usuário configurar o modelo de veículo da forma como quiser: seja a formulação de uma Superbike ou a preparação e direção de um modelo já conceiturado de moto.

A empresa Namco Bandai tem tudo para se destacar no setor de simuladores de direção em 2015, um tipo de atividade bastante importante para o mercado automobilístico em geral, pois é fundamental para a concepção de projetos de automóveis. De acordo com o noticiário do nicho, o “Ride mudará os conceitos de ‘jogos de motocicleta nos videogames’.

Para o representante de marketing da Milestone, Marco Micallef, a revolução do Ride está justamente na possibilidade de que jogadores e entusiastas de motociclismo em todo o mundo sejam tomados por um “irresistível desejo” de pilotar em alta velocidade diretamente dos seus sofás de casa.

Por Alberto Vicente

Foto: divulgação


Os jogos eletrônicos atraem a curiosidade de muitas pessoas amantes deste evento. Das crianças aos adultos, as companhias de jogos procuram agradar a todos. O Brasil é um país com muitos adeptos aos games; o mercado é bastante aquecido e as inovações despertam interesses aos usuários.

Em um momento de lazer com a família, esses jogos variam muito e têm resoluções dos personagens bastante semelhantes com o real. Além do mais, desenvolvem habilidades, raciocínios e incentivam ao aprendizado. Portanto, depende de cada pessoa escolher o jogo que terá maior afinidade e que corresponda às suas expectativas.

Por falar em jogos eletrônicos, quem nunca jogou Resident Evil? Um jogo de terror e sobrevivência da Companhia Capcom, que está com mais uma novidade para o mês de fevereiro de 2015.

Esta novidade é a adição de um personagem clássico, de nome Barry Burton, que fazia parte do primeiro Resident Evil, e uma novata de nome Natalia Korda; esta, sente a presença dos inimigos e de objetos escondidos, portanto, uma aliada no auxílio a completar as missões do jogo.

Essa versão do Resident Evil será apresentada em quatro episódios, sendo esta primeira confirmada para fevereiro do ano vindouro e apresentará  com o seguinte slogan: “Resident Evil: Revelations 2 “.

O jogo é muito procurado nos pontos de vendas e atinge um público de jogadores jovens e adultos. Pelo motivo do Brasil ser um país cujo interesse é muito alto por jogos eletrônicos, a companhia Japonesa Capcom, que desenvolve e lança tais jogos, investe no território brasileiro.

Agora, os jogadores esperam ansiosos pelo lançamento da Capcom no jogo de “Resident Evil: Revelations 2”, pois será mais um opção de jogos eletrônicos para os amantes deste entretenimento se divertirem e convidarem os amigos e familiares para a missão de sobrevivência que envolve este episódio.

Por Railson Tomás de Araújo Lopes

Foto: divulgação


A Telltale, desenvolvedora de jogos, é conhecida por distribuir os jogos The Walking Dead (baseado na série televisiva da AMC e dos quadrinhos de Robert Kirkman) e Back to the Future (baseado na trilogia homônima de filmes).

A empresa agora está produzindo um jogo chamado Game of Thrones, que criará virtualmente aventuras no mundo das Crônicas de Gelo e Fogo, retratado nos livros do George R. R. Martin. A série de livros que começou a ser publicada na década de 90 já possui 5 volumes e ficou bastante popular após a criação da série de TV pela HBO.

Aproveitando esse embalo, a Telltale já colocou em pré-venda o jogo que promete conquistar a legião de fãs desse mundo épico.

O jogo, assim como os demais títulos da desenvolvedora, estará disponível para dispositivos com iOS. Além dos dispositivos da Apple, cogita-se a ideia desse jogo também ser lançado para tablets e smartphones com o sistema operacional Android.

A história terá protagonistas da Casa Forrester, que não é muito relatada na TV, nem mesmo no livro. Temporalmente, ela se passará entre o final da terceira temporada da série e o início da quinta. Por se tratar do mesmo universo, os jogadores poderão visitar locais como a Muralha e Porto Real, além de interagir com personagens bastante famosos, como o anão Tyrion Lannister (visualmente baseado no ator Peter Dinklage) e Cersei Lannister (Lena Headey).

A ideia da Telltale é distribuir o jogo em seis episódios, sendo que o primeiro chamará Iron From Ice (Ferro do Gelo, em tradução livre). O modo de jogo é bastante peculiar, já que ele faz com que o usuário siga uma trama e não fique solto em um mundo aberto, porém, é totalmente personalizável ao jogador. 

A cada escolha que o jogador faz, ele define um rumo a seguir, sendo que dois jogadores diferentes podem vivenciar aventuras com trajetórias e finais totalmente distintos.

Além de dispositivos móveis, os consoles Xbox One, Xbox 360, PS3, PS4, PC e Macs também receberão versões do jogo.

Por Rannier Ferreira Mendes

Foto: divulgação


O Vainglory, aplicativo criado pela Super Evil Megacorp (www.superevilmegacorp.com/#home), alcançou o topo do ranking de jogos para tablets (e agora também disponível para o iPhone 6) no segmento de jogos de arena de batalha online multiplayer (para telas touch).

O layout do jogo é simplificado se comparado com seus similares disponíveis para desktops. Ao invés de três linhas para atacar a base adversária, há um caminho em linha reta numa área deserta onde você pode se esconder para matar os adversários para ganhar pontos de experiência, saúde, ouro ou ganhar uma batalha com um monstro gigante e fazê-lo lutar por seu time. Mesmo jogadores novos que não têm conhecimento dos personagens do jogo conseguem jogar em grupo. Cada personagem tem apenas três habilidades, o que faz o usuário aprender o que funciona e o que não funciona sem arruinar a estratégia da equipe. Os itens de upgrade de velocidade de ataque, defesa e precisão, dentre outros, são fáceis de entender para jogadores de outros jogos no mesmo estilo, mas já podem não ser tão óbvio para jogadores novos.

Comparado a outros jogos de arena de batalha multiplayer online (MOBA, sigla em inglês) e jogos de ação/RPG para tablets, algumas coisas se destacaram em favor do Vainglory. O desempenho do jogo é excelente, sem atrasos, travamentos ou grandes problemas gráficos, frisando que o jogo foi testado em uma condição excelente de conexão à internet. O jogo também é extremamente compatível com toques e deslize de dedos, o que ajuda em momentos importantes da partida.

O jogo está disponível apenas para alguns países asiáticos no momento, uma vez que a empresa desenvolvedora está utilizando o lançamento limitado para realizar testes e equilibrar as habilidades dos personagens, bem como melhorar as opções de compra dentro do próprio aplicativo, visando à satisfação dos jogadores e claro, a arrecadação com o jogo e suas opções adicionais.

Por Felipe Foureaux Freitas

Jogo Vainglory para tablets

Foto: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: