Após as vendas fracas do tablet da Samsung, o Playbook, a empresa decidiu não fazer a atualização mais recente do sistema operacional, o Blackberry 10.

Segundo um dos gestores da Samsung, Thorsten Heins, durante a apresentação dos resultados na sexta-feira 30 de Junho, esta decisão foi tomada pelo fato de que o sistema não estava conseguindo ter o desempenho esperado nos tablets, ou seja, o sistema rodado não estava atingindo um nível satisfatório, por isso a atualização não seria autorizada. Atualmente, a empresa  está focando os seus esforços na nova linha de Blackberry em que será colocado o sistema atualizado Blackberry 10.

Heins afirmou que durante o último trimestre fiscal de 2014 (março a maio de 2013) o Playbook vendeu somente 100 mil unidades, desta maneira os investimentos serão reduzidos nessa categoria e em aproximadamente cinco anos a empresa deixaria de comercializar o produto, visto que os consumidores não sentiriam atração por adquiri-los.

O Playbook chegou no mercado em Agosto de 2011 e já entrou nas lojas colecionando diversas críticas pelos poucos aplicativos que oferecia.

A Samsung não está somente preocupada pelo insucesso nas vendas do tablets, mas também com as vendas insatisfatórias do smartphone.

Por Melina Menezes





CONTINUE NAVEGANDO: