Dicas dos melhores serviços de armazenamento de dados na nuvem.

O armazenamento em nuvem é uma tecnologia que tem feito muito sucesso nos últimos anos. É um serviço que pode ser acessado de qualquer lugar e que oferece diversas funcionalidades, especialmente para pessoas que trabalham ou estudam em equipe. No mercado existem diversas opções de planos (gratuitos e pagos), com diferentes focos. Confira as principais do mercado:

Google Drive

Para usar o Google Drive, basta ter uma conta Gmail ou no YouTube. O serviço oferece 15GB para armazenamento on-line e gratuito para arquivos em qualquer formato.

Os planos premium podem ser contratados das seguintes maneiras:

· 100GB – R$6,99/mês;

· 1TB – R$34,99/mês;

· 2TB – R$69,99/mês;

· 10TB – R$349,99/mês;

· 20 TB – R$699,99/mês;

· 30TB – R$1.049,99/mês.

Microsoft OneDrive

O serviço de armazenamento em nuvem Microsoft OneDrive pode ser acessado por meio de conta do Outlook. Nesse caso, é disponibilizado 5GB de espaço gratuito, e é possível ter apenas acesso on-line ao Office 365. A empresa também oferece duas modalidades de pacotes pagos:

1) Uso pessoal

· 50GB – R$7/mês, pode ser acessado por até um usuário, em apenas penas um computador e há somente acesso on-line ao Office 365.

· 1TB – R$239/ano ou R$24/mês, pode ser acessado por até um usuário, em um computador, um tablet e um telefone. O Office 365 também pode ser instalado em um PC ou Mac, para uso off-line.

· 5TB – R$299/ano ou R$29/mês, pode ser acessado por até cinco usuários, em até cinco computadores, cinco tablets e cinco telefones. O Office 365 também pode ser instalado em até cinco PCs ou Macs, para uso off-line.

2) Uso em ambiente corporativo/Business

· 1 TB com Office 365 Business Premium – R$656,40/ano ou R$65,60/mês por usuário.

· 1 TB (sem Office 365 Business Premium) – R$262,80/ano por usuário.

· Ilimitado (sem Office 365 Business Premium) – R$524,40/ano por cada usuário.

É importante frisar que esses são valores aproximados, pois deverão ser pagos por meio de transação internacional em Dólar.

Dropbox

O Dropbox disponibiliza 2GB de armazenamento em nuvem gratuito. Porém, esse tamanho pode chegar a 18GB, quando usado por mais pessoas parceiras. Já as opções pagas, têm como adicional a integração com o Office 365.

Podem ser contratadas destas formas:

· 1TB (para pessoas físicas) – US$8,25/mês (plano anual) ou US$9,99 (plano mensal).

· 2TB (para equipes) – US$12,50/mês por usuário (plano anual) ou US$15/mês por usuário (plano mensal).

· Ilimitado Advanced (para equipes) – US$20/ mês por usuário (plano anual) ou US$25/mês por usuário. Nesse caso, o cliente tem acesso a atendimento diferenciado/suporte em horário comercial.

· Ilimitado Enterprise (para equipes) – valor não informado pela companhia. Esse plano oferece serviços diferenciados, como atendimento/suporte 24 horas por dia.

Mega

Quando se fala em armazenamento gratuito, com certeza a melhor escolha é o Mega. O serviço disponibiliza segurança criptografada e 50GB de espaço grátis para qualquer usuário. Entretanto, seu problema está nos planos pagos, que são cobrados em Euros, como pode ser visto abaixo:

· 1TB – 4,99€/mês;

· 2TB – 9,99€/mês;

· 8TB – 19,99€/mês;

· 16TB – 29,99€/mês.

A empresa garante que há descontos para quem contratar uma dessas opções em plano anual.

Box

O Box disponibiliza gratuitamente 10GB de armazenamento on-line. O serviço oferece também opções pagas, que variam conforme as necessidades de cada usuário:

1) Uso pessoal

· 100GB – US$11,50/mês.

2) Uso corporativo/Business

· 100 GB – US$6/mês por usuário. É disponibilizado para equipe de entre três e dez pessoas.

· Ilimitado Business – US$17/mês por usuário. Deve ser usado por equipe de mais de três pessoas.

· Ilimitado Enterprise – valor não informado. Deve ser usado por equipe de mais de três pessoas. Oferece sistema de segurança especial e funcionalidades mais avançadas.

3) Para desenvolvedores

· 125GB – US$500/mês, sendo disponibilizado para apenas um grupo de pessoas.

· 1 TB – US$4.250/mês, sendo disponibilizado para até 10 grupos de pessoas.

Para escolher uma das opções citadas, é importante avaliar não somente a quantidade de espaço de armazenamento oferecido, mas também as funcionalidades que cada uma possui. Afinal, ao optar por esses serviços, os usuários em geral têm necessidades diferentes e/ou específicas.

Por Camilla Silva

Nuvem


Na semana passada, alguns rumores surgiram sobre o Google Drive e, de acordo com eles, o lançamento do novo serviço da gigante das buscas estaria bem próximo, e todos que possuírem conta Google poderiam usufruir do serviço.

Para quem não lembra, o Google Drive é uma ferramenta para armazenamento online, que surgiu para auxiliar na liberação do espaço em disco de computadores e notebooks, além de ser um método de backup para estes equipamentos.

Para confirmar os rumores em volta do Google Drive, o site Mashable conseguiu uma imagem que mostra o novo sistema e, de acordo com a foto, o novo serviço já começou a ser disponibilizado aos funcionários da empresa Mountain View.

O diretor do Google, João Itaqui, esteve no Rio Grande do Sul e, durante sua apresentação na FEEVALE, ele abriu um documento no Docs em sua conta Google e quem estava presente pode perceber que, na hora que o diretor abriu a página do Google, apareceu ao lado de Calendar uma ferramenta diferente, levando o nome de Drive.

Sendo assim, ficou claro que alguns executivos do Google já estão testando a nova ferramenta da empresa. Apesar de não haver nenhuma informação sobre o lançamento, é bem provável que logo o serviço esteja disponível para todos os usuários com conta Google. 

Por Guilherme Marcon





CONTINUE NAVEGANDO: