Apple aumenta valores de dispositivos vendidos no Brasil


Sem anunciar antes, a gigante Apple aumentou o preço dos produtos destinados ao mercado brasileiro. Nesta terça feira, dia 2 de dezembro, vários produtos sofreram reajuste nos preços, entre eles MacBooks Air, Macbooks Pro e iPods.


Alguns deles tiverem o surpreendente acréscimo de mais de R$ 1.000 no valor total. Até mesmo os dispositivos mais baratos, como o iPod Shuffle, sofreram acréscimos consideráveis.


Pode ser devido à proximidade do Natal que os valores foram reajustados, tornando mais complicada a vida de quem queria um aparelho da maçã para presente de fim de ano. Alguns clientes chegaram a demonstrar sua insatisfação nas redes sociais devido ao aumento.


A lista engloba as variantes das linhas MacBook Air, Pro, iPod Nano, touch e Shuffle. A empresa afirmou que a mudança ocorre devido a alteração no valor do dólar. O acréscimo oscila entre 12% até 20% nos aparelhos comercializados. 


Um exemplo ocorre com o Macbook Pro de tela com 13 polegadas e processador de 2,5 GHz, que custava R$ 5.299 e, com o reajuste, passou a ser vendido por R$ 6.399. Outro aparelho, o iPod Nano de 16 GB, custava R$ 829 e agora passou a R$ 949.

O iPod touch teve um acréscimo, partindo de R$ 999 para R$ 1.149 na versão com 16 GB, e o Shuffle teve aumento no valor de R$ 279 para R$ 329.

O peso no bolso do comprador ainda é maior aqui no Brasil, onde os produtos da Apple já tem preços bem superiores aos praticados em outros países. Isso por conta dos impostos e taxas nacionais.

Mesmo com a mudança, o site oficial da Apple ainda está identificando preços com diferenças, enquanto uma página mostra o valor antigo, a plataforma de compra ajusta o preço para o valor atual. O aumento aconteceu no mesmo dia em que começaram as vendas dos iPads Air 2 e iPad mini 3, com preços de R$ 2.079 e R$ 1.729, respectivamente.

Por Ana Rosa Martins Rocha


Foto: divulgação


Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.