Parecia real, mas o lançamento do tablet da RIM não passa de boato. É o que Rick Costanzo, gerente-geral da RIM na América Latina disse ao passar pelo Brasil. O tablet supostamente seria chamado de BlackPad, tendo em vista que este nome foi registrado pela fabricante.

Costanzo, disse em entrevista, que não faz ideia do motivo do registro do nome, ou seja, ou o segredo está restrito aos executivos dos EUA, ou o BlackPad não passa de uma boataria.

Além descartar o BlackPad, pelo menos por enquanto, o executivo comentou sobre a chegada do Torch 9800 ao Brasil. De acordo com ele, o Brasil será um dos próximos a receber o aparelho.

Por Camila Porto de Camargo 

Fonte: IT Web


Parece que o tablet da RIM, provisoriamente chamado de BlackPad, vai ser mesmo lançado. Segundo fontes confiáveis do site Gizmodo, a empresa estaria trabalhando duro para trazer ao mundo este novo concorrente do iPad. E a previsão é que o lançamento ocorra ainda em 2010. Se tudo der certo, talvez até o mês de Setembro.

Há informações de que o aparelho terá tela de 8.9 polegadas. Mas algo a respeito dele surpreende: o dispositivo será uma espécie de complemento aos smartphones da RIM e não terá acesso nativo à internet, nem à rede de telefonia. Portanto não se trata de um Blackberry aumentado como se supôs.

Para usá-lo para navegação na internet será necessário usar as conexões do aparelho como wi-fi ou bluetooth. Ao que parece, a intenção da RIM é fazer do Blackpad uma plataforma de entretenimento e não de trabalho, englobando diversas funções multimídia.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Gizmodo





CONTINUE NAVEGANDO: