Asus pretende fabricar produtos no Brasil



  

Na CES 2013, alguns diretores de grandes fabricantes falaram sobre as suas apostas para este ano. Um deles foi o diretor de Marketing da Asus no Brasil, Marcel Campos, que contou um pouco sobre o que a empresa fará no mercado brasileiro.

De acordo com o diretor, a Asus pretende investir nos dispositivos mais finos e de menor peso, começando com os modelos que rodam processadores Celeron e são mais baratos. Além disso, a intenção da empresa é de deixar o mercado mais competitivo reduzindo os preços e vendendo aparelhos que saiam por valores mais baixos, como R$ 1.299 para notebooks.

Com isso, a Asus tem a intenção de trazer um conceito de que os ultrabooks podem custar preços acessíveis, tendo em vista que atualmente o seu preço é extremamente alto. Assim, para reduzir os preços no Brasil, a fabricante quer realizar a produção dos dispositivos em território brasileiro, o que fará com que o preço seja reduzido em até R$ 400.

Outra aposta da empresa são as telas sensíveis ao toque, como os aparelhos que rodam Windows 8 e já contam com a tecnologia, que são vendidos por menos de R$ 2 mil – mas a expectativa é reduzir o valor ainda mais com a produção local.





E, ainda, uma das principais apostas da Asus com certeza são os tablets, como o Nexus 7 que começou a ser vendido no mercado brasileiro em dezembro do ano passado. Porém, a aposta da empresa é que com o lançamento da versão 3G o sucesso do gadget aumente. E também, a fabricante pretende lançar tablets que custem no máximo R$ 1 mil, dentre outros produtos como all-in-ones e aparelhos híbridos.

Entretanto, mesmo com a intenção de realizar a produção local para reduzir os custos no Brasil, a Asus ainda não encontrou o “parceiro ideal” para tal feito.

Por Guilherme Marcon



Compartilhar:

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *